Webmail
terça-feira, 25 de junho de 2019

Notícias

publicado em 04/02/2019

Nova diretoria do Sindicato dos Bancários em Jundiaí toma posse para o próximo triênio

Lideranças destacaram desafio da nova gestão no combate ao retrocesso e retirada de direitos

A nova diretoria do Sindicato dos Bancários de Jundiaí e região tomou posse na sexta-feira, 1º de fevereiro. O doutor em Ciência Política, Paulo Malerba, é o novo presidente da entidade para o próximo triênio. “Agradeço a diretoria do Sindicato e nossos associados pela confiança em mim para ocupar essa posição tão importante e para esse desafio num momento tão delicado da nossa história”, disse.

O evento, realizado na Associação dos Aposentados, contou com a presença das mulheres que pela primeira vez conduzem as principais entidades representando a categoria. Juvandia Moreira, presidenta da Contraf-CUT, Aline Molina, presidenta da Fetec-CUT/SP, e Ivone Silva, presidenta do Sindicato dos Bancários de São Paulo, compuseram a mesa, além de Fé Juncal, presidenta da Associação dos Aposentados.

Para Juvandia, o Sindicato de Jundiaí é uma referência de luta. “Jundiaí tem uma marca por ter essa diretoria tão aguerrida e comprometida e que forma lideranças. Só temos a agradecer”.

Ivone Silva, que preside o Sindicato de São Paulo, lembrou da tragédia em Brumadinho e do quanto vai custar ao país e aos trabalhadores o desmonte do Ministério do Trabalho. “Agora, já considerado o maior acidente de trabalho do Brasil, o crime em Brumadinho é resultado da falta de fiscalização efetiva do trabalho e de privatizações que só geram retrocesso”.

A reforma da Previdência também foi destaque da mesa. A presidenta da Associação dos Aposentados de Jundiaí, Fé Juncal, ressaltou a importância do Sindicato dos Bancários no Movimento Sindical Unificado da região, que hoje reúne 17 sindicatos. “Os bancários tem sido uma força imprescindível em nossas ações contra a reforma da Previdência”.

Democracia em risco

A atual conjuntura, com desmonte das estatais, retirada de direitos e o imenso retrocesso pautado pelo governo Bolsonaro protagonizaram o discurso das lideranças durante o cerimonial.

A presidenta da Federação dos Bancários da CUT de São Paulo (FETEC-CUT/SP), Aline Molina, elogiou a diretoria que se elege num momento obscuro, com a democracia fragilizada. “Parabéns pela coragem de todos vocês e pela história de luta desse Sindicato. Contem com nossa Federação para mais esse desafio”.

Douglas Yamagata, que deixa a presidência para assumir a Secretaria Geral do Sindicato, lembrou das várias conquistas durante sua gestão, como a construção do Movimento Sindical e a greve de 2016, com mais de 30 dias de paralisação. “Estávamos prestes a perder conquistas históricas e graças à união de toda a categoria bancária, em todo o país, conseguimos assegurar as cláusulas da convenção coletiva nacional. Por isso, desejamos toda sorte  ao companheiro Paulo Malerba nesse imenso desafio num momento em que nossa luta, sem dúvida, vai se acentuar.”

  Fonte: FETEC-CUT/SP com Seeb Jundiaí
  • Whatsapp
  • Telegram

Leia Mais

FETEC-SP é uma marca registrada. Todos os Direitos Reservados.
INFOSind - A MAIOR Empresa de Gestão Sindical do Brasil