Pesquisar

Temas

Caravana da FETEC-CUT/SP esteve em Taubaté no Dia Nacional em Defesa da CCT

A caravana da Federação dos Bancários da CUT de São Paulo (FETEC-CUT/SP) e dos sindicatos filiados esteve nesta quarta-feira (11) em Taubaté para mobilizar a categoria e divulgar para a população as reivindicações apresentadas pelos bancários à Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). 

O presidente do Sindicato dos Bancários e Financiários de Taubaté e Região, Carlos José Ribeiro (Casé), fez uma análise da atual conjuntura política e econômica do Brasil. “Há claramente uma ofensiva contra empresas públicas, estatais e o patrimônio nacional, e atacam direitos dos trabalhadores e o que restou do estado de bem-estar social. O momento é de unidade de todos os trabalhadores para derrotarmos este projeto que lança um número cada vez maior de brasileiros nas ruas e na miséria”, disse. 

A próxima negociação com a Fenaban está marcada para amanhã, quinta-feira (12), em São Paulo. Na primeira reunião, os bancos não assinaram o compromisso de garantir os direitos previstos na Convenção firmada em 2016 até que um novo acordo seja assinado. 

Dia Nacional em Defesa da CCT

O Dia Nacional de Luta ocorreu nesta quarta-feira (11) na véspera da segunda reunião de negociação entre o Comando Nacional dos Bancários e a Fenaban, que acontece em São Paulo na quinta-feira (12). Bancários de todo o Brasil estiveram mobilizados em defesa dos direitos da categoria garantidos nacionalmente por 26 anos de Convenção Coletiva unificada. 

A caravana realizada hoje em Taubaté, além de conscientizar a população sobre as perdas de direitos e problemas enfrentados pela categoria, também serviu para pressionar os bancos para garantir a renovação de todas as 71 cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho da categoria, preservando direitos históricos conquistados em anos de muita luta coletiva e greves.

Segundo Roberto Rodrigues, diretor da FETEC-CUT/SP, os trabalhadores da categoria devem estar atentos ao fato de que a reforma trabalhista acabou com a ultratividade, mecanismo que garantia a extensão dos termos da CCT após a data-base, até que novo acordo seja assinado entre os representantes dos bancos e os sindicatos. “É importante lembrar que a reforma trabalhista coloca em risco todas as conquistas dos trabalhadores. Portanto, está em nossas mãos a manutenção dos direitos conquistados com muitas lutas”, finaliza o dirigente.

A FETEC-CUT/SP realiza a caravana de mobilização da categoria para a Campanha Nacional dos Bancários 2018 em todos os seus sindicatos filiados, além da cidade de Bauru. A caravana começou no dia 25 de junho e passará por mais quatro cidades até o dia 18 de julho (veja abaixo calendário das próximas cidades que recebem a caravana).

Mesas específicas

O Banco do Brasil realizou sua primeira mesa de negociação específica em 29/06. Já a Caixa agendou sua primeira rodada para o dia 13/07.
 
> Leia também: Bancários definem pauta de reivindicações
 
Calendário da caravana da FETEC-CUT/SP

25/06 – Presidente Prudente 
26/06 – Assis
27/06 – Barretos
28/06 – Catanduva
02/07 – Araraquara
03/07 – Limeira
04/07 – Jundiaí
05/07 – Bragança
10/07 – Mogi das Cruzes
11/07 – Taubaté
12/07 – ABC
13/07 – Guarulhos
18/07 – Vale do Ribeira
(Em aberto) – Bauru

 

Compartilhe esse conteúdo