Pesquisar

Temas

Bancário da Caixa, exerça seu direito e vote para representante dos empregados no CA

Segundo turno do pleito, que acontece de 5 a 10 de maio, definirá a voz dos trabalhadores na principal instância decisória do banco público

Os empregados da Caixa elegeram pela primeira vez um representante no Conselho de Administração do banco em 2013. A participação de um empregado no Conselho de Administração de empresas públicas está prevista na Lei 12.353/2010 e passou a ser uma exigência a partir da Lei das Estatais (13.303/2016).

O CA é a principal instância decisória do banco, define a orientação geral dos negócios da Caixa, é responsável por estabelecer diretrizes e objetivos empresariais e por monitorar e avaliar os resultados.

O Conselho de Administração da Caixa é composto por oito membros – apenas um representa os trabalhadores.

Essa conquista histórica representou avanço no processo de democratização da gestão e da ampliação do controle social. Foi resultado da luta dos trabalhadores, especialmente das empresas públicas.

O conselheiro eleito representa os anseios dos empregados, defende a integridade do banco e fiscaliza as ações da gestão.

Na Caixa, a atuação do conselheiro representante dos empregados tem sido fundamental para defesa dos direitos da categoria e da manutenção do banco como público e focado no desenvolvimento do Brasil.

A Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae) apoia Eduardo Nunes para conselheiro representante dos empregados por seu comprometimento com a defesa dos direitos dos trabalhadores e da manutenção do banco público e social. O candidato tem o apoio da maioria das entidades associativas e sindicais.

O segundo turno das Eleições do CA começou no dia 5 e vai até quarta-feira, 10 de maio. Vamos fazer valer a nossa voz!

A votação ocorre online:

eleicaoca.caixa.gov.br

Acesse com matrícula e senha pessoal, selecione EDUARDO MEDRADO NUNES e confirme seu voto em defesa da Caixa e dos trabalhadores!

A voz dos trabalhadores no CA da Caixa.

Compartilhe esse conteúdo