Webmail
sábado, 2 de março de 2024

Notícias

publicado em 31/08/2016

Caravana da FETEC-CUT/SP mobiliza e convoca categoria para assembleias

Bancários decidirão se aprovam proposta da Fenaban ou deflagram greve
 
Na quarta-feira (31), véspera das assembleias dos sindicatos dos bancários em todo o país, que devem ocorrer entre 1º e 2 de setembro (quinta e sexta-feira) e deflagrar a greve da categoria, a caravana da Federação dos Bancários da CUT de São Paulo (FETEC-CUT/SP) e dos sindicatos filiados passou por Mogi das Cruzes para mobilizar os bancários para a Campanha Nacional 2016 e convocar para a assembleia, que em Mogi ocorrerá na sexta-feira (2/9).
 
“A caravana da FETEC sempre é importante para mostrar à população que os bancários estão em campanha e mobilizar a categoria. Neste ano, aproveitamos também para convocar a assembleia que vai decidir se aprovamos a proposta da Fenaban (Federação dos Bancos), ou se vamos à greve, nosso último recurso após uma negociação na qual os bancos nos apresentaram uma proposta que sequer repõe a inflação”, disse o presidente do Sindicato dos Bancários de Mogi das Cruzes e Região, Francisco Cândido, conhecido como Chiquinho.
 

           > Leia também: Sem proposta decente, Fenaban leva bancários à greve a partir do dia 6 de setembro

 
Chiquinho disse que a população da região aceita bem a atuação do sindicato, mesmo a greve. “Usamos de todos os meios de comunicações possível, inclusive a imprensa, para mostrar que nossas reivindicações vão além do aumento salarial e outros pontos que beneficiam apenas os bancários. A população percebe que estamos do lado dela, que nossas reivindicações beneficiam os trabalhadores de uma forma geral”, explicou.
 
Para o presidente do Sindicato dos Bancários de Mogi das Cruzes e Região, reivindicações como a manutenção do emprego e mais contratações reflete diretamente na melhora do atendimento aos clientes; com a redução das metas abusivas, os clientes não serão forçados a adquirir produtos que não são do seu interesse; a redução das tarifas bancárias e das taxas de juros também beneficia diretamente os clientes. “Essas são apenas algumas das nossas reivindicações que atendem interesses dos clientes”, completou.
 
ATAQUES AOS DIREITOS DOS TRABALHADORES
O secretário de formação da FETEC-CUT/SP, Isane Pereira da Silva, lembrou ainda que, em suas campanhas, os sindicatos dos bancários defendem interesses de toda a classe trabalhadora. “Recentemente, a senadora Gleisi Hoffmann lembrou no plenário que, sempre que há avanços da classe trabalhadora, a direita conservadora e empresarial arruma um jeito de fazer a roda da história girar para trás. Precisamos permanecer unidos com as demais categorias para enfrentar essa dura batalha, que a partir de agora, será ainda mais difícil”, disse.
 
O presidente do Sindicato dos Bancários de Mogi e Região também ressaltou a preocupação com o contexto político atual. “Existe um pacote de maldades contra os trabalhadores em tramitação no Congresso Nacional. Agora que o golpe contra a democracia foi aprovado pelo Senado, o governo Temer vai acelerar a tramitação destes projetos que prejudicam a população que precisa trabalhar para sobreviver”.
 
ENCERRAMENTO DA CARAVANA
Neste ano, a caravana de mobilização para a Campanha Nacional dos Bancários, realizada pela FETEC-CUT/SP e seus sindicatos já passou por Limeira, Jundiaí, Bragança Paulista, Registro, Presidente Prudente, Assis, Barretos/Bebedouro, Catanduva, Araraquara, ABC/Santo André e Mogi das Cruzes. Começou no dia 15 de agosto e se encerra na próxima quinta-feira (01/09), em Guarulhos.
 
Leia também
> Bancários definem pauta de reivindicações

> Bancos apresentam proposta de 6,5% mais abono
 

Fonte: FETEC/SP
  • Whatsapp
  • Telegram

Leia Mais

FETEC-SP é uma marca registrada. Todos os Direitos Reservados.
INFOSind - A MAIOR Empresa de Gestão Sindical do Brasil