Webmail
segunda-feira, 24 de junho de 2019

Notícias

publicado em 29/05/2019

Santander trabalhar aos sábados é ilegal!

Pelo quarto sábado consecutivo, sindicatos dos bancários de todo o país protestaram contra a tentativa do banco Santander abrir 29 de suas agências aos sábados. Mais uma vez, as agências permaneceram fechadas neste último sábado (25).

Segundo Wanessa de Queiroz Paixão, diretora de bancos privados da Federação dos Bancários da CUT de São Paulo (FETEC-CUT/SP), na cidade de São Paulo o Santander não abriu as agências para realizar o trabalho de educação financeira. “Nas demais cidades houve a tentativa de realização do trabalho e após diálogo do sindicato como os trabalhadores, o banco tomou a decisão de dispensá-los”, explica a dirigente.

Para impedir a ação dos sindicatos, o banco tem entrado com pedido de interdito proibitório, um instrumento processual criado durante a ditadura militar, que visa proteger a posse de um bem, móvel ou imóvel, contra ações que molestem, dificultem, ou impeçam o exercício do direito de posse deste bem.

“Se o banco quer dar orientação sobre educação financeira aos clientes que o faça sem onerar os trabalhadores dessa forma. A jornada no fim de semana não está prevista na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), portanto é ilegal” ressalta a dirigente.

Taxas e tarifas

A legislação brasileira proíbe a atividade bancária aos sábados, domingos e feriados. “Se o banco quer ajudar a população a reduzir seu endividamento, teria que começar com a redução de suas taxas e tarifas”, conclui Wanessa. 

Nas ruas e nas redes

As ações dos sindicatos continuam ganhando as redes sociais. Utilizando a hashtag #SantanderSábadoNão, bancários postam fotos das atividades em frente às agências e explicam o porquê do banco não poder abrir aos sábados. Além denunciar que o “voluntariado” é forçado e que existem segundas intenções na “orientação” que o banco quer dar.

  Fonte: FETEC-CUT/SP
  • Whatsapp
  • Telegram

Leia Mais

FETEC-SP é uma marca registrada. Todos os Direitos Reservados.
INFOSind - A MAIOR Empresa de Gestão Sindical do Brasil